Melodia Web
Rádio Melodia Web - www.melodiaweb.com - São José do Rio Preto - SP - Brasil
domingo, 26 de setembro de 2021
Ouça a MelodiaWeb
Página inicial Ouça música de qualidade pela Internet

Ouça a MelodiaWeb Este site possui uma rádio web que prioriza música italiana, MPB, clássica, tango, bolero, instrumental, esperanto, etc.
Clique na imagem ao lado para ouvir
Ouça a MelodiaWeb
Janela Cultural
Diminui o tamanho da fonte Aumentar o tamanho da fonte
UM GRANDE POETA BRASILEIRO E A SUA ORNITOLOGIA DISCORDANTE!
Ático Vilas-Boas da Mota, segunda-feira, 9 de novembro de 2009
UM GRANDE POETA BRASILEIRO E A SUA ORNITOLOGIA DISCORDANTE!

No mundo das letras, e da poética em especial, nós sempre deparamos passagens, registros e exegeses que nos convidam à reflexão caso, as antenas do nosso espírito estejam bem ligadas. Às vezes, no caso das regras gramaticais aplicadas ao exercício da poesia, denominam-se licenças poéticas (= liberdade que têm o poeta, algumas vezes, de transgredir – ao seu bel-prazer – as normas da poética ou da gramática). Para o exercício da literatura, quando se desrespeita totalmente a realidade, ou seja, não se leva em conta a verrossimilhança, ainda não existe, infelizmente, uma licença verossínil, e, por isto mesmo, um poeta brasileiro ignorou totalmente a realidade, criando uma licençazinha verossimilhante, para dar azo à sua própria imaginação. A realidade – valor secundário – que vá para o inferno! Foi o que, justamente, aconteceu com o nosso poeta-mor, maranhense ilustre, Gonçalves Dias (1823-1864), dono de uma imaginação frondosa, exuberante,inflacionada, como a de todos os vates românticos, que se saiu com uma sextilha repetida em nossas escolas, desde as primeiras letras:


Minha terra tem primores,


Que tais não encontro eu cá;


Em cismar – sozinho, à noite –


mais prazer encontro eu lá;


Minha terra tem palmeiras


Onde canta o sabiá


(Coimbra, julho, 1843. Titulo do poema: Canção do exílio).


Pois bem, este poeta descompromissado com a verossimilhança normal, imaginou uma ave canora dando o seu concertinho mavioso nos galhos de alguma palmeira farfalhante. Acontece que os ornitólogos, aqueles sábios bisbilhoteiros que passam grande parte de suas vidas devassando a das aves – daqui e dacolá – são todos unânimes em afirmar: O  sabiá não canta em palmeiras, porque nelas jamais pousam! A imaginação romântica geralmente trabalha com a sua supra-realidade e, poucas vez, com a realidade propriamente dita... Os poetas, usineiros do sonho, criam, remontam e descrevem uma realidade pessoal, exclusivamente fruto de sua própria imaginação, o que vale dizer: uma realidade fantástica e, portanto muitíssima distanciada daquela do senso comum, ou seja, a realidade que os demais olhos enxergam! Respeitemo-la! 

Ouça a MelodiaWeb Este site possui uma rádio web que prioriza música italiana, MPB, clássica, tango, bolero, instrumental, esperanto, etc.
Clique na imagem ao lado para ouvir
Ouça a MelodiaWeb
Veja também
(19/11/2015) Titanic Theme Song - My Heart Will Go On - Harp / Violin
(19/11/2015) Europeus: o futuro não pertence mais a vocês
(07/06/2015) Caranguejos
(09/05/2015) Música Clássica é sinônimo de concentração
(09/02/2015) Força interior!
(14/05/2014) Quem poupa o lobo, mata as ovelhas
(02/04/2014) Em duas décadas haverá mais mudanças que nos últimos dois mil anos, diz cientista
(14/03/2014) Projeto de vida, ou ...
(14/01/2014) Ai, que preguiça!!
(03/01/2014) O caminho dos ímpios é como a escuridão; nem conhecem aquilo em que tropeçam.
(14/12/2013) Rádio Melodia, remédio da alma
(14/11/2013) Música
(06/11/2013) Música e Consciência
(02/11/2013) Equilíbrio e moderação nas atitudes e necessidades
(22/09/2013) Por um estilo de vida


Veja todo conteúdo desta categoria
Ouça a Rádio do coração
© 2021 Rádio Melodia. Todos os direitos reservados.
Design: Win Multimídia - Desenvolvimento:Adriel Menezes